Publicado em Reflexões

Ilustrando a Lição: Perseverança – Uma Mensagem do Espaço

Pioneer 10

Uma ilustração para um dos assuntos da Lição da Escola Sabatina dessa semana, a perseverança — extraída do livro de Craig Brian Larson, Pastoral Grit: the Strength to Stand and to Stay (Bethany):

Em 1972, a NASA lançou a sonda de exploração espacial Pioneer 10. De acordo com Leon Jaroff, na Time, a principal missão do satélite era chegar a Júpiter,  fotografar o planeta e suas luas, e enviar dados para a Terra sobre o campo magnético de Júpiter, os cinturões de radiação, e a atmosfera. Isso era considerado pelos cientistas um plano muito ousado, já que naquele tempo nenhum satélite da Terra tinha ido além de Marte, e eles temiam que o cinturão de asteróides pudesse destruir a sonda antes que ela pudesse chegar ao seu destino.

Mas a Pioneer 10 cumpriu sua missão e muito, muito mais que isso. Após passar pelo planeta gigante, em Novembro de 1973, a imensa gravidade de Júpiter arremessou a Pioneer a uma velocidade ainda maior em direção à extremidade do sistema solar. A um bilhão e seiscentos milhões de quilômetros do Sol, a Pioneer 10 passou por Saturno. A três bilhões e duzentos milhões de quilômetros, ela alcançou Urano; Netuno a quase cinco bilhões de quilômetros; Plutão a quase seis bilhões de quilômetros. Em 1997, vinte e cinco anos após o seu lançamento, a Pioneer 10 estava a quase dez bilhões de quilômetros do Sol.

E apesar dessa imensa distância, a Pioneer 10 continuou a enviar de volta os sinais de rádio para os cientistas na Terra. “Talvez o mais notável”, Jaroff escreve, “é que esses sinais emanam de um transmissor de 8 watts, que irradia tanta energia quanto a pequena luz de um abajour, e leva mais de nove horas para chegar à Terra.”

O  pequeno satélite não estava qualificado para fazer o que fez. Os engenheiros concebiam para a Pioneer 10 uma vida útil de apenas três anos. Mas ela continuou indo e indo. Diante de uma tão limitada expectativa de vida, seu minúsculo transmissor de 8 watts conseguiu mais do que ninguém imaginava ser possível.

Assim é quando nós nos oferecemos para servir ao Senhor. Deus pode trabalhar até mesmo por meio de alguém com habilidades  de 8 watts. Deus não pode trabalhar, porém, com alguém que desiste.

Filipenses 3:12-14, Hebreus 12:1, Marcos 10:45.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s